CENTRO EDUCACIONAL META

CENTRO EDUCACIONAL META



O FUTURO DO SEU FILHO COMEÇA AQUI...

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

AS CRIANÇAS SÃO COMO BORBOLETAS

Assista a um video inspirador, que nos faz sentir o quanto são frágeis nossas pequenas e amadas crianças.


video


Os alunos do 1º ano da professora Andréia não poupam sorrisos, adoram novas descobertas e  preenchem nossa vida com amor.

Deixe a criança ser... naturalmente!

"Lembro-me de uma manhã em que eu havia descoberto um casulo na casca de uma árvore, no momento em que a borboleta rompia o invólucro e se preparava para sair. Esperei bastante tempo, mas estava demorando muito e eu estava com pressa.

Irritado, curvei-me e comecei a esquentá-lo com meu hálito. Eu o esquentava impacientemente e o milagre começou a acontecer diante de mim a um ritmo mais rápido que o natural. O invólucro se abriu e a borboleta saiu se arrastando. Nunca hei de esquecer o horror que senti então: suas asas ainda não estavam abertas e, com todo o seu corpinho que tremia, ela se esforçava para desabrochá-las.

Curvado por cima dela eu a ajudava com meu hálito. Em vão. Era necessário uma paciente maturação e o desenrolar das asas devia ser feito lentamente ao sol. Agora era tarde demais. Meu sopro obrigava a borboleta a se mostrar toda amarrotada antes do tempo. Ela se agitou desesperadamente e alguns segundos depois morreu na palma de minha mão.

Aquele pequeno cadáver é para mim, o peso maior que tenho na consciência. Pois, hoje, entendo bem isso:
'É PECADO MORTAL FORÇAR AS GRANDES LEIS'.
Temos que não apressar, não ficar impacientes e seguir com confiança o ritmo eterno.
DEIXE A CRIANÇA LENTAMENTE DESABROCHAR..."

Cada filho tem o seu tempo! Cada criança tem suas próprias qualidades e precisa ser reconhecida por isso; precisa ser encorajada a crescer e não subestimada e igualada como se fosse brinquedos fabricados em série! Toda criança vive em pleno desenvolvimento. Elas têm uma capacidade notável de absorver informações e aprender, mas só podem crescer se respeitarmos o seu tempo, se dermos à ela a oportunidade de amadurecer suas habilidades.

Nenhum comentário: